Faeries , belas como anjos e perversas como demônios

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Faeries , belas como anjos e perversas como demônios

Mensagem por Clave em Dom Fev 28, 2016 1:02 am

faeries


Podem ser estranhas, esquisitas, mais desconhecidas que os próprios demônios, porém as fadas são seres do submundo. São pessoas e possuem alma. É o povo menos compreendido entre os mágicos, o grande mistérios antigo do nosso mundo. São encontradas em diferentes variações, tamanhos e tipos, e em todos os ambientes.

São conhecidas como fadas, e sua terra natal é o reino de Faerie. Na literatura, possuem outros nomes, e, em parte, por causa de superstições antigas sobre sua invocação pelo nome. Apesar de ser comum chamá-las de fadas você também pode escutar povo das fadas, gentis, pequeninos e diversos outros eufemismos.

Origem


As fadas são originalmente fruto de anjos e demônios, com a beleza dos anjos e a maldade dos demônios. É claro, como anjos são raramente ou nunca vistos em nosso mundo atualmente a maioria das fadas é fruto de fadas com fadas, assim como a maioria dos caçadores de sombras é fruto de nephilim com nephilim e não nasce do cálice.

características


Não se pode dizer que o povo das fadas esteja alinhado moralmente a uma ou outra raça paterna. São uma mistura de bem e mal, e não seguem a moral do céu nem a imoralidade do inferno, mas possuem um caprichoso código próprio de comportamento. São conhecidas por seu senso de humor cruel e se deleitam particularmente quando enganam humanos — tanto mundanos quanto caçadores de sombras. Frequentemente tentam barganhar com humanos, oferecendo a alguém o maior dos seus desejos, mas não é necessário dizer que tal desejo vem com um custo terrível. Vivem muito e se tornam mais arteiras com a idade.

Comummente se organizam em duas coortes — seelie e unseelie — com soberanos que presidem territórios específicos no nosso mundo e no delas. Contudo, há tantas ou ate mais fadas livres sem filiação a algum monarca. Assim como as fadas gostam de manipular os humanos, elas gostam de manipular a si mesmas, e normalmente se o problema das fadas invade nosso mundo é pelo resultado de conflitos de coortes rivais, as vezes brincalhões, outros sérios e brutais.

magia


A magia das fadas é ate onde sabemos, unica no mundo. É muito poderosa, mas não tem aliança demoníaca ou angelical e não pode ser aprendida nem praticada por qualquer criatura além das próprias fadas. A magia é escorregadia e caótica, e não é fácil aplicar estruturas e regras que possam ser aprendidas. Geralmente é utilizada para atrair humanos para Faerie a fim de seduzi-los.

changelings


O contato mais comum entre fadas e mundanos é através dos changelings. Não é diferente da maneira pela qual Nephilins criam novos caçadores de sombras com o cálice mortal, mas, no caso das fadas, os mundanos não se beneficiam. As fadas invadem uma casa mundana, pegam uma criança adequada e a substituem por um membro adoecido de sua própria raça. As crianças humanas crescem em Faerie, capaz de trazer sangue novo e forte para as linhagens de fadas, enquanto os mundanos se veem com uma criança moribunda e intolerante a ferro. Acredita-se que as fadas trocam por um dos seus, em parte, para despistar as desconfianças dos mundanos, e, em parte, por um senso distorcido de troca justa.

Por algum método desconhecido para nós, crianças mundanas criadas em Faerie assumem atributos de fadas e executar a magia das fadas. Da mesma forma, a criança fada deixada no mundo mundano, se sobreviver, geralmente desconhece a própria origem. Exceto pela possibilidade da visão, ela talvez nunca saiba sobre o mundo magico.

A lei do pacto proíbe que caçadores de sombras interfiram nesse processo de troca de crianças. Esta regra já foi muito debatida em vários acordos durante as ultimas centenas de anos, mas ambas as crianças são criadas em ambientes amorosos — as fadas selecionam cuidadosamente os pais adotivos de seus filhos genéticos — e jamais se encontrou melhor solução para a renovação do sangue das fadas.

terra das fadas


Faerie é um lugar perigoso para os mortais, e, a primeira e mais importante recomendação é que você deve ficar longe. Isso porque na terra das fadas as leis dos acordos não são válidas, sendo assim, você tende a estar desprotegido contra as criaturas mais ardilosas e cruéis do submundo. As fadas gostam de atrair humanos para Faerie e apesar de ser algo realmente repreensível não há muito o que os caçadores de sombras posam fazer em relação a isso.

As poucas entradas para este lugar tendem a ser escondidas, não guardadas, e em geral estão localizadas permanentemente em um único lugar. Estas entradas se localizam em cercanias naturais, e não em áreas construídas por humanos e frequentemente são denunciadas por aspectos 'estranhos' ou 'errados' em sua aparência natural — uma árvore com um formato impossivelmente especifico, um reflexo na água que não corresponde ao mundo real, uma caverna aparentemente vazia da qual é possível ouvir música, se tudo estiver muito quieto.

Em Faerie as estações do ano podem mudar em um piscar de olhos. O tempo neste reino é um paradoxo singular as vezes corre com uma velocidade superior ao tempo da terra, e, as vezes corre com uma velocidade inferior ao tempo da terra. Não se sabe se isso é proposital, mas o fato é, esta singularidade faz com que os visitantes se sintam perdidos ao sair do pais das fadas, isso se um dia saírem de lá.

fraquezas


Possuem um fraco por barganha, e, embora só o façam quando tem certeza de que vão ganhar, isso pode ser uma fraqueza explorada pelos seus inimigos. Criar uma barreira de terra de cemitério é uma forma conhecida e comprovada de repelir fadas. Ferro drio as fere e tais ferimentos possuem um tempo de cura longo.

vida e morte


Fadas possuem um siclo de vida muito aproximado ao dos mundanos: nascem, crescem, procriam, envelhecem e morrem. O que distingue as fadas dos mundanos nesse aspecto é que seus corpos tendem a desacelerar o processo de envelhecimento por séculos e por isso algumas fadas estão vivas a tanto tempo quanto se pode lembrar.

pandemonium


Dentro do jogo só serão aceitas fadas humanoides, ou seja, fadas que possuam aparência similar a de humanos. Isso se tornou uma exigência pois não foi possível catalogar todas as sub-raças presentes em Faerie.

Só serão aceitos personagens com idade máxima de cento e cinquenta (150) anos. Com essa restrição de idade fica meio obvio, mas, só para constar, fadas ão poderão alegar que são frutos diretos da relação entre um ajo e um demônio já que os anjos não descem a terra há séculos.
avatar
Clave
Entities

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum